Análise: Caiado não aproveita bem entrevista à TV Anhanguera

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

O estilo “paz e amor” esteve presente na atual roupagem do senador Ronaldo Caiado durante a entrevista concedida ao Jornal Anhanguera 1ª edição, na TV Anhanguera/Rede Globo. Foi, provavelmente, a melhor coisa que se pode extrair do desempenho do democrata, que continua procurando se distanciar do estilo que sempre marcou sua atuação, bem mais incisiva. No mais, Caiado surpreender por não aproveitar bem o espaço, se perdendo às vezes como se estivesse cansado – que leva a falhas de memória, como ao mudar pelo menos duas vezes os nomes dos entrevistadores. Normalmente, o senador Ronaldo Caiado dificilmente comete esse tipo de deslize.

Caiado na TV Anhanguera, um ótimo e privilegiado espaço

Caiado na TV Anhanguera, um ótimo e privilegiado espaço (foto: g1/Goiás)

Embora tenha consigo sintetizar sua principal linha de campanha, contra a corrupção, ele ainda tem dificuldades quando é confrontado com o fato de que, há 20 anos, ele foi um dos líderes que ajudou a moldar o grupamento político que derrubou o poder que estava sob controle do MDB de Iris Rezende, seu aliado desde 2014, e que resultou na primeira eleição do ex-governador Marconi Perillo. Esse tema, aparentemente, o retira da zona de conforto. Talvez porque seu principal adversário no campo oposicionista, Daniel Vilela, do MDB, venha batendo exatamente nesse ponto, a de que Caiado esteve com o grupo governista até 4 anos atrás.

Se o desempenho geral decepcionou por aquilo que sempre se espera de um grande debatedor como Caiado, pelo menos não foi nenhum momento considerado “xeque-mate”, que signifique perda substancial de potenciais eleitores.

Nesta quarta-feira, 12, o entrevistado será o candidato Daniel Vilela, do MDB. O quadro da TV Anhanguera é considerado um espaço nobre na atual campanha.