Senadora Lúcia agregou mais e está praticamente confirmada como candidata à reeleição

Base aliada define chapa ao Senado com Marconi e Lúcia Vânia. Falta o vice

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

O funil está cada vez mais apertado. E tem data certa e definitiva para moldar o cenário que irá às urnas em outubro: 5 de agosto. Tudo o que se fez, tudo o que foi conversado e articulado desde meados do ano passado terá que ser concluído. É natural, portanto, que alguns setores já tenham concluído todo o trabalho da montagem das chapas que vão para a batalha pelo poder político estadual.

Senadora Lúcia agregou mais e está praticamente confirmada como candidata à reeleição

Senadora Lúcia agregou mais e está praticamente confirmada como candidata à reeleição

Na base aliada, comandada pelo ex-governador Marconi Perillo, a chapa está praticamente fechada, com ele próprio ocupando uma das vagas de candidato ao Senado, e a senadora Lúcia Vânia como candidata à reeleição. O ex-senador Demóstenes Torres, que alimentava a esperança de ocupar a vaga destinada à senadora, recuou e vai disputar uma das 17 cadeiras de deputado federal. Como o candidato ao governo será José Eliton, falta somente o candidato a vice.

O jogo pela ocupação da vaga de vice vem sofrendo rápidas e contínuas alterações. Até o início desta semana, havia forte especulação em torno do nome do atual deputado federal Thiago Peixoto, do PSD. Nas últimas horas, surgiu com bastante força o nome do ex-prefeito de Senador Canedo Vanderlan Cardoso, do PP.

Vanderlan Cardoso: nome cresceu nas últimas horas como vice de José Eliton

Vanderlan Cardoso: nome cresceu nas últimas horas como vice de José Eliton

Outro setor importante que parece estar moldado dentro da base é uma das suplências ao Senado. O atual presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti, que abandonou sua meta de reeleição por problemas de saúde, foi convidado a ocupar a 1ª  suplência de Lúcia Vânia. Ele é um dos principais nomes do PSDB para disputar a Prefeitura de Goiânia em 2020.

Os demais candidatos ao governo igualmente trabalham na composição final das chapas. Daniel Vilela, do MDB, e Ronaldo Caiado, líder absoluto em todas as pesquisas realizadas até agora, ainda não concluíram todas as etapas para fechar o cenário que vai disputar as eleições.